Coronavírus – Principais medidas preventivas para Serviços Funerários e Congêneres

Publicado em:

Orientações:

REMOÇÃO DO CORPO

  • A Instituição/Serviço onde a vítima foi a óbito, deverá comunicar ao Serviço Funerário Municipal quando da suspeita ou confirmação da morte for por infecção pelo Coronavírus (COVID-19);

  • Os profissionais do segmento funerário devem utilizar EPIs (óculos, máscara cirúrgica, aventais e luvas descartáveis) durante qualquer manipulação do cadáver;

  • O cadáver de caso com suspeita ou confirmação de morte por infecção pelo Coronavírus (COVID-19) deverá ser transportado em saco impermeável próprio, selado e identificado, não devendo haver manipulação posterior do mesmo;

  • A remoção de fluídos corporais/secreções que por ventura entrarem em contato com superfícies/equipamentos deve ser realizada com papel absorvente, o qual deve ser descartado como resíduo infectante. Após, limpar equipamento e /ou superfícies com água e sabão e secar com pano limpo, realizar desinfecção com álcool 70% ou desinfetante padronizado;

  • Após transporte do corpo, retirar e descartar luvas, máscara e avental) em lixo infectante;

TRANSPORTE

  • Não há nenhuma restrição quanto ao material do caixão, porém, como medida de proteção àqueles que estejam no recinto, o caixão deverá permanecer fechado durante todo o transporte, velório e posterior sepultamento;

  • Realizar a desinfecção das alças da urna com álcool 70%, após fechamento desta;

  • Funcionários que apresentarem sinais e sintomas de Coronavírus (febre acompanhada de tosse ou dor de garganta e sintomas respiratórios) devem ser encaminhados imediatamente ao serviço de saúde;

VELÓRIO ORIENTAÇÕES AOS FAMILIARES

  • Como medida de proteção ao Coronavírus o caixão deverá permanecer fechado durante todo o velório e posterior sepultamento;

  • Manter portas e janelas do recinto abertas para a ventilação de ar;

  • O sepultamento deverá ocorrer preferencialmente no mesmo dia em que ocorreu o óbito;

  • Evitar aglomerações na área externa da capela;

  • Evitar qualquer contato físico com as pessoas, como apertos de mãos, beijos e abraços

  • Fica vetado

  • velórios em residências;

  • O recinto da capela não deverá ser ocupada por mais de 10 pessoas, devendo-se respeitar e manter o espaçamento de 1,5m entre elas;

  • Idosos com mais de 60 anos, pessoas com doenças crônicas e pessoas suspeitas ou confirmadas de Coronavírus não devem ir aos velórios;

  • Disponibilizar álcool 70% gel para a higienização das mãos ao entrar e sair da capela;

 

COVID-19 é uma doença infecciosa causada pelo novo coronavírus SARS-coV-2. Os sintomas mais comuns são: febre, tosse seca e dificuldade para respirar, os quais aparecem gradualmente e geralmente são leves. A transmissão costuma ocorrer no contato com infectados, por meio de secreções, como gotículas de saliva.

Mais informações: http://www.coronavirus.pr.gov.br/Campanha#